Votação

Qual é seu digiescolhido predileto de Digimon Adventure Zero Two?

26% 26% [ 10 ]
5% 5% [ 2 ]
3% 3% [ 1 ]
24% 24% [ 9 ]
3% 3% [ 1 ]
39% 39% [ 15 ]

Total dos votos : 38

Os membros mais ativos da semana
KaiserLeomon
 

Digimon4EverPT
Geração Digimon Digimon & Pokémon Mystery Universe Digimon4EverPT Digital ZonePowered by BannerFans.comTv Digimon

Digimon Century

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Digimon Century

Mensagem por Digi Rei em Qui 16 Fev 2012, 4:40 pm

Oh my God minha primeira desistência! A outra fic perdi a vontade, depois que eu perdi o último capítulo, por uma burrice minha! madness
Já estou me adiantando um pouco.
Nesta fic tentarei explorar mais as batalhas! São ao todo 4 personagens principais, e alguns outros secundários!
Vou por aqui a ficha:
Spoiler:
Nome da Fanfic: Digimon Century
Nome do(s) Autor(es): Digi Rei
Gênero Principal: Aventura, amizade, luta,
Em que foi foi baseada (Se houver): Um pouco de cada série
Recomendação Etária: +14
Uma pequena Sinopse da História: Duas pessoas e dois digimons, devem viajar pelo Digimundo em busca de Shadow Seraphimon, para destruí-lo, pois este está querendo dominar o mundo e também o Mundo Humano. Atravessarão continentes, ilhas, florestas e montanhas em busca de vários artefatos próprios para a batalha final!
P.S.: Pus +14, pois haverá alguns palavrões (nada exagerado) e algumas coisas mais violentas!

Agora uma pequena ficha dos personagens:

Eiji Wang - Filho de um japonês com uma chinesa, este jovem de 14 anos, adora vídeo-games, músicas e livros. Seu sonho é ver seu pai que sumiu quando o menino tinha três anos. Já mandou algumas cartas, mas nunca tinha de onde ela veio. Adora viajar para lugares fantásticos!
- Digimon: Agumon (e evoluções)
- Elemento: Luz

Mina - Menina desconhecida que morava numa vila humana no Digimundo, sua irmã gêmea Lina fora raptada e Mina quer salvá-la de qualquer jeito. Muito devota à Shakamon, pede ajuda a este deus todas as vezes que precisa e ele atende?
- Digimon: nenhum
- Elemento: Fogo

Elo - Um Agumon que adora seu parceiro, Eiji. Gosta muito de comer e de lutar pelo bem.
Giga Power*: Galaxy Fire! - Dispara uma bola de fogo muito forte igualada aos ataques de Metal Greymon.

Goro - Um Bancho Leomon, que ficou comprometido a ajudar Eiji, Mina e Agumon. Ele luta pelo bem e só pensa em lutas justas!
Giga Power: Hyper Tornado - Gira sua espada e com ela forma um tornado de fogo.

* - Giga Power é um poder especial dos digimons, que só pode ser usado duas vezes em cada nível do digimon. Exemplo: Agumon - usou uma, duas. Não usa mais, porém Greymon tem mais duas vezes pra usar!

__________________________________________________________________________

AVANTE CATastrophe!

avatar
Digi Rei

Moderador
Moderador

Mensagens : 949
Data de inscrição : 02/11/2011
Idade : 19
Localização : Ribeirão Preto, São Paulo

http://nihongo-gakkou.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por KaiserLeomon em Qui 16 Fev 2012, 5:43 pm

Parece uma historia bastante interessante Digi Rei gostei do conceito geral e dos Digimon !

Só fico meio receoso com a facha etária de +14 . É meio restritivo . Fora que me sinto meio com um pé atrás nessas historias que tem um nível maior de violência tanto física quanto psicológica . Por exemplo não gosto da ideia de escolhidos e Digimon falando palavrões e disparando palavras sujas da boca . Não consigo imaginar isso em Digimon . Tudo bem que crianças atuais da vida real falam ... só que eu não acho isso nem bonito , nem digno ... outra estas crianças não são exemplos para mim de uma conduta digna ... nem eles nem menores de rua que roubam , matam , usam drogas e tem um P*** desse tamanho ... não gosto de imaginar escolhidos assim e muito menos Digimon assim . Tenho a impressão de que é o mesmo que profanar algo sagrado ... Eu não ligo deles usarem gírias e palavreado mais descontraído como na minha fanfic e não ligo de haver a violência de um desenho como digamos " Tom e Jerry " onde Tom é acertado na cabeça centenas de vezes com um taco de baseball e o máximo que acontece é uma duzia de galos crescerem sem nada dos miolos do felino respingando na tela ou ele ser achatado por uma bigorna de 10 mil toneladas e sair andando todo achatado mas vivo essa violência é apenas " teórica " é a " violência de cartoons " onde ninguém morre de verdade e onde até os vilões podem de vez em quando serem caras incrivelmente simpáticos e legais . Não gosto dessas historias " sombrias " . Historias que tem finais trágicos do tipo " todos os heróis morrem para derrotar o vilão " ou então " tudo é em vão , tudo é destruído , nada sobra , nada se salva , mas os personagens ficam vivos para ver o mundo depois de ser destruído " . Mas mesmo assim vou tentar ler sua fanfic . Um Abração .

__________________________________________________________________________

"Faça todo o bem que você puder, com todos os recursos que você puder, por todos os meios que você puder, em todos os lugares que você puder, em todos os tempos que você puder, para todas as pessoas que você puder, sempre e quando você puder."

Friedrich Von Schiller
avatar
KaiserLeomon

Moderador
Moderador

Mensagens : 4391
Data de inscrição : 02/10/2011
Idade : 46
Localização : Guarulhos

http://sansomon.deviantart.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Digi Rei em Qui 16 Fev 2012, 5:49 pm

KaiserLeomon escreveu:Parece uma historia bastante interessante Digi Rei gostei do conceito geral e dos Digimon !

Só fico meio receoso com a facha etária de 17 + . É meio restritivo . Fora que me sinto meio com um pé atrás nessas historias que tem um nível maior de violência tanto física quanto psicológica . Por exemplo não gosto da ideia de escolhidos e Digimon falando palavrões e disparando palavras sujas da boca . Não consigo imaginar isso em Digimon . Tudo bem que crianças atuais da vida real falam ... só que eu não acho isso nem bonito , nem digno ... outra estas crianças não são exemplos para mim de uma conduta digna ... nem eles nem menores de rua que roubam , matam , usam drogas e tem um P*** desse tamanho ... não gosto de imaginar escolhidos assim e muito menos Digimon assim . Tenho a impressão de que é o mesmo que profanar algo sagrado ... Eu não ligo deles usarem gírias e palavreado mais descontraído como na minha fanfic e não ligo de haver a violência de um desenho como digamos " Tom e Jerry " onde Tom é acertado na cabeça centenas de vezes com um taco de baseball e o máximo que acontece é uma duzia de galos crescerem sem nada dos miolos do felino respingando na tela ou ele ser achatado por uma bigorna de 10 mil toneladas e sair andando todo achatado mas vivo essa violência é apenas " teórica " é a " violência de cartoons " onde ninguém morre de verdade e onde até os vilões podem de vez em quando serem caras incrivelmente simpáticos e legais . Não gosto dessas historias " sombrias " . Historias que tem finais trágicos do tipo " todos os heróis morrem para derrotar o vilão " ou então " tudo é em vão , tudo é destruído , nada sobra , nada se salva , mas os personagens ficam vivos para ver o mundo depois de ser destruído " . Mas mesmo assim vou tentar ler sua fanfic . Um Abração .

Oh, God why?!
Kaiser, você entendeu tudo errado! Concordo com você! Mas a faixa etária que consta na ficha é 14! Não vou passar de um desgraçado ou maldito! E também não acho legal digimons xingando, já referente as brigas, quero dizer como no Digimon, Tai bate em Matt, mas nada com uma intenção de matá-lo! Um sangue aqui ou acolá, pra dar mais uma sensação de "realidade"! Você confundiu tudo! KKK' Laughing

__________________________________________________________________________

AVANTE CATastrophe!

avatar
Digi Rei

Moderador
Moderador

Mensagens : 949
Data de inscrição : 02/11/2011
Idade : 19
Localização : Ribeirão Preto, São Paulo

http://nihongo-gakkou.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por KaiserLeomon em Sex 17 Fev 2012, 3:27 am

Digi Rei escreveu:
KaiserLeomon escreveu:Parece uma historia bastante interessante Digi Rei gostei do conceito geral e dos Digimon !

Só fico meio receoso com a facha etária de 17 + . É meio restritivo . Fora que me sinto meio com um pé atrás nessas historias que tem um nível maior de violência tanto física quanto psicológica . Por exemplo não gosto da ideia de escolhidos e Digimon falando palavrões e disparando palavras sujas da boca . Não consigo imaginar isso em Digimon . Tudo bem que crianças atuais da vida real falam ... só que eu não acho isso nem bonito , nem digno ... outra estas crianças não são exemplos para mim de uma conduta digna ... nem eles nem menores de rua que roubam , matam , usam drogas e tem um P*** desse tamanho ... não gosto de imaginar escolhidos assim e muito menos Digimon assim . Tenho a impressão de que é o mesmo que profanar algo sagrado ... Eu não ligo deles usarem gírias e palavreado mais descontraído como na minha fanfic e não ligo de haver a violência de um desenho como digamos " Tom e Jerry " onde Tom é acertado na cabeça centenas de vezes com um taco de baseball e o máximo que acontece é uma duzia de galos crescerem sem nada dos miolos do felino respingando na tela ou ele ser achatado por uma bigorna de 10 mil toneladas e sair andando todo achatado mas vivo essa violência é apenas " teórica " é a " violência de cartoons " onde ninguém morre de verdade e onde até os vilões podem de vez em quando serem caras incrivelmente simpáticos e legais . Não gosto dessas historias " sombrias " . Historias que tem finais trágicos do tipo " todos os heróis morrem para derrotar o vilão " ou então " tudo é em vão , tudo é destruído , nada sobra , nada se salva , mas os personagens ficam vivos para ver o mundo depois de ser destruído " . Mas mesmo assim vou tentar ler sua fanfic . Um Abração .

Oh, God why?!
Kaiser, você entendeu tudo errado! Concordo com você! Mas a faixa etária que consta na ficha é 14! Não vou passar de um desgraçado ou maldito! E também não acho legal digimons xingando, já referente as brigas, quero dizer como no Digimon, Tai bate em Matt, mas nada com uma intenção de matá-lo! Um sangue aqui ou acolá, pra dar mais uma sensação de "realidade"! Você confundiu tudo! KKK' Laughing

Kkkkkk eu tinha acabado de editar este erro e coloquei + 14 Digi Rei Laughing Realmente na parte das brigas você esta certo Tai e Matt se estranham assim como Ken e Davis , Kouji e Koichi e Masaro e Thoma e fico feliz que você não vá abusar no sangue nas cenas ^^

__________________________________________________________________________

"Faça todo o bem que você puder, com todos os recursos que você puder, por todos os meios que você puder, em todos os lugares que você puder, em todos os tempos que você puder, para todas as pessoas que você puder, sempre e quando você puder."

Friedrich Von Schiller
avatar
KaiserLeomon

Moderador
Moderador

Mensagens : 4391
Data de inscrição : 02/10/2011
Idade : 46
Localização : Guarulhos

http://sansomon.deviantart.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Lawliet em Sex 17 Fev 2012, 7:41 am

Fiquei triste por você ter desistido da sua antiga fic, era muito ba. Mas espero que está você me surpreenda ainda mais em relação a anterior. :omg: .
Bem, você não postou um prólogo nem um capítulo. Por isso não posso falar muito, mas até onde você postou parece bem legal. Considere-me seu leitor, por que eu vou acompanhar essa fic. gunner
avatar
Lawliet

Seichouki
Seichouki

Mensagens : 332
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 18
Localização : Minha casa.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Digi Rei em Sex 17 Fev 2012, 11:53 am

Olá LL!
É, até eu mesmo fiquei triste com o fim da minha última fic! É duro abandonar os personagens! Mas essa vai ser melhor! Very Happy
O prólogo sairá em breve, "está em fase de produção".
Very Happy

__________________________________________________________________________

AVANTE CATastrophe!

avatar
Digi Rei

Moderador
Moderador

Mensagens : 949
Data de inscrição : 02/11/2011
Idade : 19
Localização : Ribeirão Preto, São Paulo

http://nihongo-gakkou.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Digi Rei em Seg 20 Fev 2012, 5:51 pm

Olá LL!
É, até eu mesmo fiquei triste com o fim da minha última fic! É duro abandonar os personagens! Mas essa vai ser melhor!
O prólogo sairá em breve, "está em fase de produção".
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Prólogo

UMA GAROTA CORRIA POR UMA ESTRADA do lado de uma grande encosta que formava um enorme paredão. Passou perto de uma árvore seca e por estar seca, foi fácil quebrá-la e jogá-la no caminho, para que ninguém a pegasse. Arrancou algumas plantas perto dali e se afastou. Esticou a mão e do símbolo de sua mão saiu uma grande rajada de fogo, que incendiou as plantas, bloqueando a passagem.
O símbolo ela tinha desde que era criança. Ele lembrava uma chama e era pintado de vermelho com algumas linhas alaranjadas.
Correu até uma área reservada para os sacerdotes de seu povo. Aquele lugar era proibido, mas sabia que seu deus iria perdoá-la por tal profanação. Lá jogou uma sacola de pano no chão, sentou-se e pôs-se a chorar.
Pensava em tudo, na sua irmã gêmea, nos seus pais, nos amigos, nas coisas que tinha. Quando o ataque começou, só teve tempo de pegar algumas coisas importantes, como comida, água, moedas de prata, um tipo de prato e seu colar de contas de Shakamon.
Olhou para uma grande fresta na parede e viu uma estátua de pedra, com alguns colares, uma auréola e um círculo com os dezesseis números japoneses / chineses.
Retirou de sua sacola de pano um pequeno cantil de barro, revestido com couro. Pegou o prato e colocou água, pegou uma fruta e pôs na água. E assim, fez sua oferenda à estátua do deus Shakamon.
Ajoelhou-se e com as mãos juntas disse:
- Mestre Shakamon, por favor, me proteja! – Suplicou, suando, ofegante e com o rosto vermelho. – Proteja também minha irmã e meus amigos! Não quero que nada aconteça de mal a eles!
Lina...”, pensou ela. “Por favor... Esteja bem!
- Mina... – Falou uma voz. –... Sou eu!
- “Eu” quem? – Perguntou a jovem de cabelos ruivos e um vestido branco.
- Seu Mestre! – Falou. – Sou Shakamon! Tenho uma missão para você! Como já sabe Shadow Seraphimon está quase completando sua dominação global! – Fez uma pausa. – Não podemos deixar isso acontecer! Se ele conseguir... Teremos um grande problema!
- Mestre Shakamon... O que devo fazer? – Indagou. – Quero ajudar o senhor e o meu mundo!
A imagem de Shakamon surgiu no ar. Um homem de vestes longas e douradas. Seus cabelos eram cinza e possuía uma máscara. Os dezesseis digi-núcleos, com os símbolos flutuavam pelo seu corpo. Atrás uma grande auréola de ouro! A garota se levantou e virou-se, assim pôde vê-lo!
Esticou o braço e abriu a mão, um colar prateado com uma pedra lisa e branca, com “luz” escrita (光) e um dispositivo tecnológico, pouco conhecido por aquelas regiões do Digimundo!
Mas Mina sabia o aquilo significava. Caiu de joelhos no chão de terra e pequenas plantas. Segurou os dois objetos na mão. O objeto tecnológico parecia um celular da Terra, tinha uma tela grande, que ocupava mais da metade dele. Existiam apenas quatro botões, em forma de setas e um no centro. No topo dele, tinha um infravermelho.
- É tão grave assim?! – Disse assustada.
Shakamon balançou levemente a cabeça, afirmando o que a menina perguntou. Sua imagem sentou e parecia meditar, mas falou:
- Quero que vá ao Segen e busque-o. Seu nome é Eiji Wang! – Falou. Uma foto materializou na mão do deus digimon. – Este é ele!
Um jovem de 14 anos, com olhos azuis, cabelos negros e meio embaraçados. Era apenas uma foto de rosto. Mina sabia que devia ir atrás dele. Mas decidiu fazer uma última pergunta:
- Mestre, diga-me por qual razão Shadow Seraphimon, faz isso? – Disse pausadamente. – Quero dizer, ele nunca fez mal à ninguém durante toda sua vida... Mas há alguns meses atrás ele começou a atacar tudo!
- Não tenho uma resposta concreta para esta pergunta, Mina. – Olhou para o céu noturno. A noite estava estrelada, com as três luas brilhando no céu. Baixou a cabeça e terminou: – Ele era até bom... Mas por causa de algo que não conseguimos identificar... Ele ficou cruel!
----------------------------------///---------------------------------///---------------------------------
Um vulto acinzentado cruzou o céu. Mal podia vê-lo, pois este estava numa velocidade muito alta. Parou e virou-se para trás, seu braço, que era aparentemente uma espada, se abriu na vertical, revelando um canhão.
Não vou deixar esses desgraçados me pegarem!”, pensou.
- Morram! seus miseráveis! – Bradou. – Nunca me pegarão!
O tiro de energia, da cora roxa, saiu da ponta do canhão e o Saberdramon, uma ave gigante, da cor preta foi aniquilado. Mirou em outro e atirou. Do mesmo jeito, aniquilando-o.
Acabou?”, pensou o Digimon. “Não pode ser... Foi tão fácil?
Por trás dele, uma ave dez vezes maior que as anteriores, surgia, sem fazer muito barulho, o vulto olhava para os lados pensando onde estariam os futuros inimigos.
ROOOAAAAARRR, gritou a ave por trás.
Ela tinha as penas roxas, verdes e rosas. Seu rosto era rosado. E devia ter o tamanho de um prédio mediano. Nas suas costas, um ser com armadura verde e branca com detalhes amarelos e asas escuras. No seu rosto uma estrela de quatro pontas ao contrário.
- Azraelmon... – Falou o ser. -... Pronto para se render?
O vulto preparou-se para mais um tiro.
BUM!
O tiro acertou em cheio o peito do inimigo, que olhou para o estrago, um buraco enorme. Com um estalar de dedos, o buraco foi se fechando aos poucos, até que se fechou a armadura.
- Eu sou quase imortal! – Falou com todo orgulho. – Em breve, tomarei conta do Digimundo inteiro, desde o pico mais alto até o precipício mais fundo!
- Há, há, há, há, há! – Riu Azraelmon. – Não vou deixar você comandar esse mundo! Não sou mau nem bom! Não estou de lado algum! Mas no meu mundo você não toca!
Abriu novamente sua espada e disse:
- Esse... – Dizia com raiva. O suor escorria pelo seu rosto. E terminou com um brado estridente: – MORRA SEU DITADOR DE MERDA!
E começou a pensar na sua música preferida: “Pleased to meet you! Hope you guess my name…”.
- Dia do Destino! – Gritou.
Uma saraivada de tiros energéticos azulados saiu de sua arma. Acertaram Shadow Seraphimon em cheio! Fazia vários furos em sua armadura e consequentemente, em seu corpo. Estava cheio de buracos igual a um queijo.
O corpo do inimigo caiu para trás no corpo da ave gigante. Mas logo se levantou. Os furos se regeneravam rapidamente. Aplaudiu o feito do adversário e disse:
- Muito bem! Sabe controlar sua fúria... Ou não... – Começou a observar o ambiente. – Mas enfim, ou se rende, ou... Morre!
- Não vou me render à você! Nem que seja o único salvador deste mundo!
- Então sua escolha é morrer? – Nem esperou a resposta e ordenou: – Onismon aniquile este ser desprezível, não deixe sobrar um pedacinho!
ROOOAAARR!, rosnou o monstro. Ativou seu poderoso ataque Raio Cósmico. Abriu sua boca e de lá saiu um raio, que iluminou o local e jogou Azraelmon para longe, caindo numa floresta muito longe dali.
- Hum... Ótimo ataque Onismon! – E respondeu o digimon com um rugido. – Azraelmon deve ter morrido... Se não foi para o Inferno... Que se dane! Eu o matarei mais tarde! Tenho um reino para conquistar!
E assim voou para longe.
-----------------------------///---------------------------///-------------------------
Mina, após terminar sua conversa com o seu Mestre sentou-se naquele mesmo lugar e observou tudo lá embaixo.
Fitou os objetos em suas mãos o Digivice e o colar, mais a foto do garoto.
- Mestre, eu prometo achá-lo! – Decidiu. – Não vou deixar o mundo sucumbir nas mãos daquele ser inútil, que é Shadow Seraphimon! Não vou deixar a Lina sofrer! Não vou... – E assim começou a chorar.
Olhou para as luas no céu, que brilhavam como diamantes num colar, as estrelas pareciam brincos na rainha noite. Uma estrela cadente passou cortando o céu numa velocidade muito alta!

---------------------------------------------------

DIGIdex
Nome: Shadow Seraphimon
Um Digimon cruel que apenas pensa em seu futuro reino! Quer dominar o mundo inteiro e assim poder adquirir o poder supremo e ter o maior Giga Power do Universo!
Ataques:
> Strike of the Seven Dark Stars
> Shadow Starburst
> Shadow Shockwave


NOTAS FINAIS:
Spoiler:
Bem, acho que não deu pra saber muita coisa sobre os personagens, mesmo porque o principal não apareceu, Mina apareceu pouco e o Bancho Leomon também não surgiu aí! Ah, Azraelmon não é meu, é do KaiserLeomon! Espero que tenham gostado! É só para conhecerem um pouco mais sobre os personagens, algumas coisas serão esclarecidas no decorrer da história. Qualquer dúvida... Pode perguntar!


Última edição por Digi Rei em Ter 21 Fev 2012, 7:12 am, editado 1 vez(es)

__________________________________________________________________________

AVANTE CATastrophe!

avatar
Digi Rei

Moderador
Moderador

Mensagens : 949
Data de inscrição : 02/11/2011
Idade : 19
Localização : Ribeirão Preto, São Paulo

http://nihongo-gakkou.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por KaiserLeomon em Ter 21 Fev 2012, 3:57 am

Muito legal o prologo da historia Digi Rei realmente gostei ! Pena que Azraelmon não foi pareô para Shadow Seraphimon e mal surgiu e já foi derrotado mas acho que tenho que entender que Shadow Seraphimon é o grande vilão da historia então ele ser derrotado logo de cara seria um absurdo e arruinaria a fanfic . Pergunta Azraelmon " morreu " ? E Agumon e BanchoLeomon mais os escolhidos ? Como conseguirão deter um adversário que nem o próprio Grande Arcanjo da Morte Digimon conseguiu vencer ? Enfim gostei de sua historia Digi Rei ! Lerei com certeza !

__________________________________________________________________________

"Faça todo o bem que você puder, com todos os recursos que você puder, por todos os meios que você puder, em todos os lugares que você puder, em todos os tempos que você puder, para todas as pessoas que você puder, sempre e quando você puder."

Friedrich Von Schiller
avatar
KaiserLeomon

Moderador
Moderador

Mensagens : 4391
Data de inscrição : 02/10/2011
Idade : 46
Localização : Guarulhos

http://sansomon.deviantart.com/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Digi Rei em Ter 21 Fev 2012, 7:10 am

KaiserLeomon escreveu:Muito legal o prologo da historia Digi Rei realmente gostei ! Pena que Azraelmon não foi pareô para Shadow Seraphimon e mal surgiu e já foi derrotado mas acho que tenho que entender que Shadow Seraphimon é o grande vilão da historia então ele ser derrotado logo de cara seria um absurdo e arruinaria a fanfic . Pergunta Azraelmon " morreu " ? E Agumon e BanchoLeomon mais os escolhidos ? Como conseguirão deter um adversário que nem o próprio Grande Arcanjo da Morte Digimon conseguiu vencer ? Enfim gostei de sua historia Digi Rei ! Lerei com certeza !

Ohayou Gozaimasu KaiserLeomon-san!
Bem, ele... Não morreu!
Apenas foi jogado para longe!
Esse foi apenas o começo, Shadow Seraphimon ficará maior, pior e mais forte!
E Agumon, Bancho Leomon e os Escolhidos, aparecerão aos poucos, de acordo com minha ideia, no próximo capítulo Agumon não aparecerá, mas isso pode mudar! E Bancho Leoon um pouco mais para frente! Wink
Enfim, obrigado por ler! Very Happy

__________________________________________________________________________

AVANTE CATastrophe!

avatar
Digi Rei

Moderador
Moderador

Mensagens : 949
Data de inscrição : 02/11/2011
Idade : 19
Localização : Ribeirão Preto, São Paulo

http://nihongo-gakkou.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Mickey em Qua 22 Fev 2012, 11:27 pm

Agora sim! Com um Prologo já posso especular...
Enfim! Muito bom Digi Rei! Confesso que estou empolgado com a nova FIC! Observei elementos que a difere da anterior.. E elementos que chamam a atenção... E um detalhe importante...

Digi Rei escreveu:
O tiro acertou em cheio o peito do inimigo, que olhou para o estrago, um buraco enorme. Com um estalar de dedos, o buraco foi se fechando aos poucos, até que se fechou a armadura.
Uma saraivada de tiros energéticos azulados saiu de sua arma. Acertaram Shadow Seraphimon em cheio! Fazia vários furos em sua armadura e consequentemente, em seu corpo. Estava cheio de buracos igual a um queijo.
O corpo do inimigo caiu para trás no corpo da ave gigante. Mas logo se levantou. Os furos se regeneravam rapidamente.
Então é aqui onde está a parte do “algumas coisas mais violentas!”...
Será que vai ficar famoso por este estilo como o Dragon e o Gatsu(Esdras)?!
Ou será que vai pegar mais leve...

Bom independente disso eu já tenho um motivo para ver o que você fará para a história... O Giga Power...
Parece algo EXTRA, mas da forma que o descreveu e do que imagino ser... Poderá render algo por trás de sua utilização! Ou talvez não...

NOTAS FINAIS:
Ah, Azraelmon não é meu, é do KaiserLeomon!
Ahhh saiu na minha frente... AH! Eu já escolhi outro personagem das FICs que o TIO KAISER posta para trabalhar mesmo... Rsrsrs brincadeiras a parte! Muito legal sua interação com os personagens de outros Membros do Fórum!
Isso era algo que eu queria fazer... Mas é bom saber que outros também gostam da ideia!

Aos demais! Só aguardando! E com você já viu no meu último comentário... Eu desejo muita sorte, empenho e criatividade com esta FIC!

Até mais Digi Rei... AH NÃO! Já ia esquecendo... Sua FIC será muito bem vinda aos Contos de TK! Smile

__________________________________________________________________________

avatar
Mickey

Administrador
Administrador

Mensagens : 1322
Data de inscrição : 23/10/2011
Idade : 31
Localização : Goiás

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Digi Rei em Qui 23 Fev 2012, 9:50 am

Valeu, Mickey-san!
Obrigado por recepcionar minha nova fic!
Aquelas partes onde você disse ser "violentas", é mais ou menos isso. Os buracos também contam, mas é que isso eu pus sem pensar no "algumas coisas mais violentas!", mas pode incluir também!
Azraelmon atacou com tanta força, porque odeio Shadow Seraphimon, pois lhe fez algo muito ruim no passado!
O Giga Power como dito no começo é um poder "a mais" que o digimon tem! Cada um tem o seu! E devem ser usados apenas num momento de "aperto"!
Obrigado novamente!

__________________________________________________________________________

AVANTE CATastrophe!

avatar
Digi Rei

Moderador
Moderador

Mensagens : 949
Data de inscrição : 02/11/2011
Idade : 19
Localização : Ribeirão Preto, São Paulo

http://nihongo-gakkou.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Christian L em Sab 25 Fev 2012, 9:19 am

Já vou avisando, li só metade do prológo, parece que vai ser bom, nunca vi Shakamon e nem Shadow Seraphimon... E não sou bom para comentar prologos e talvez nem mesmo para comentar capítulos. congratulations Você adquiriu mais um leitor...

Christian L

Seichouki
Seichouki

Mensagens : 124
Data de inscrição : 07/11/2011
Localização : Tumba de G(j)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Digi Rei em Sab 25 Fev 2012, 9:30 am

Christian L escreveu:Já vou avisando, li só metade do prológo, parece que vai ser bom, nunca vi Shakamon e nem Shadow Seraphimon... E não sou bom para comentar prologos e talvez nem mesmo para comentar capítulos. congratulations Você adquiriu mais um leitor...

Mais um leitor? Não creio, não creio, não creio! Smile
Brincadeiras à parte...
Obrigado por ler (metade) KKK' mas tátutranquilo!
Shadow Seraphimon será, talvez por enquanto o principal vilão. E Shakamon como uma "Ophanimon" de Digimon Frontier! Laughing
Obrigado por ler!

__________________________________________________________________________

AVANTE CATastrophe!

avatar
Digi Rei

Moderador
Moderador

Mensagens : 949
Data de inscrição : 02/11/2011
Idade : 19
Localização : Ribeirão Preto, São Paulo

http://nihongo-gakkou.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Christian L em Dom 26 Fev 2012, 3:36 pm

Estou ficando ansioso, e esse capítulo ainda não saiu. Mas ai piora o meu estado. Vou pirar totalmente "rapaiz"!!!

Christian L

Seichouki
Seichouki

Mensagens : 124
Data de inscrição : 07/11/2011
Localização : Tumba de G(j)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Digi Rei em Dom 26 Fev 2012, 4:18 pm

Christian L escreveu: Estou ficando ansioso, e esse capítulo ainda não saiu. Mas ai piora o meu estado. Vou pirar totalmente "rapaiz"!!!
Calma! KKK'
É que ultimamente eu estava sem imaginação... Mas já estou na terceira página do Word! Smile
Esperem mais um pouco, talvez no fim de semana ou semana que vem eu poste, pois agora é semana de prova e ficarei um pouco ausente! Very Happy

__________________________________________________________________________

AVANTE CATastrophe!

avatar
Digi Rei

Moderador
Moderador

Mensagens : 949
Data de inscrição : 02/11/2011
Idade : 19
Localização : Ribeirão Preto, São Paulo

http://nihongo-gakkou.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Christian L em Dom 26 Fev 2012, 4:20 pm

Lol... Minhas provas começam só semana que vem...

Christian L

Seichouki
Seichouki

Mensagens : 124
Data de inscrição : 07/11/2011
Localização : Tumba de G(j)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Digi Rei em Dom 11 Mar 2012, 8:00 pm

KKK' desculpa não responder!
#Sortudo!
-----------------------------------------------

Depois de um tempão trouxe o capítulo um!
Espero que gostem!

CAPÍTULO UM
Uma garota estranha! O Ataque do Cavaleiro Felino!

O SINAL TOCOU E EIJI estava saindo da classe. Estava empolgado, era sexta-feira e tinha muitos planos para o resto da tarde e para noite. Era exatamente quatro e meia.
Desceu o lance de escadas rapidamente. Chegou ao vasto pátio de concreto com árvores em volta, e um grande portão que dava para a rua. Seguiu por lá, ao sair, viu dois jovens, um pouco mais altos e bem mais fortes.
Eram Jun e Kosuo, dois dos valentões da escola, ambos batiam em alguns jovens que saiam para suas casas. Eiji foi andando bem de fininho e se escondendo onde era possível. Mas não deu.

- Ei Jun, olha ali é o idiota do Eiji! – Falou o mais magro, ele tinha uma camiseta preta sem manga, escrito: Metallica. E short jeans rasgado com um par de All-Star nos pés. Seu cabelo era loiro e comprido – Vamos lá!
Eiji ficou paralisado. Não sabia o que fazer. Estava com uma calça azul-marinha e um paletó da mesma cor, por dentro uma camiseta branca e sapatos pretos.
O que eu faço?”, pensou. “Eles vão vir aqui e me matar!
Nisso, uma menina surge ao longe, usava um vestido fino branco e vinha caminhando lentamente, quando viu gritarem o nome do garoto. Parou e gritou:
- O que pensam estar fazendo? – Gritou ela olhando a cena.

Jun, um homem gordo, com uma camiseta vermelha rasgada, boné azul, calças jeans, tênis grandes e um brinco prateado, olhou para a menina antes de chegar perto de Eiji e disse:
- Hum... Bonitinha... Mas não se intrometa, aqui é eu, o Kosuo e o Eeijizinho! – Olhou para ele. Via o medo nos seus olhos.
Chegou perto do jovem e segurou-o pela camiseta branca. Olhou no fundo dos olhos e disse:
- Ah... Hoje você vai se sentir como uma pessoa enlatada!
- O que... Eu... Fiz...? – Disse com dificuldade.
Jun pensou algum tempo, mas não conseguiu achar uma resposta certa. Então falou o que venho em sua mente:
- Porque eu quero! Adoro bater em pessoas, me sinto ótimo fazendo isso!
A garota, foi chegando mais perto, parecia com calma, mas também estava com raiva dos jovens que faziam mal a Eiji. Chegou bem perto de Kosuo, que ria enquanto seu amigo o menino mais novo.
Fechou o punho e acertou-o no rosto do outro, que caiu no chão.
Jun soltou o menino no chão e foi na direção dela. Ficou com mais raiva ainda. Uma porque bateu em seu amigo e outra porque ele caiu.
- Levou um soco de uma menina? – Riu de seu amigo caído. Olhou pra menina e disse: – E você... Como ousa bater nele... Sua... – E se preeparou para aplicar um soco. Mas ela desviou.

O gordo caiu no chão e ela pisou em cima com seu pé, que calçava uma sandália. Olhou para ele com uma cara de raiva e enjoo.
- Tenho nojo de vocês! Como podem machucar um jovem indefeso por puro prazer? Só não usou meu poder para não chocar as pessoas que estão aqui perto... Se não vocês já eram!
Tirou o pé e foi na direção de Eiji, tirou-o do chão, que via cena a perplexo. Acompanhou-o para um beco um pouco longe dali. Colocou-o sentado numa caixa de madeira e sentou-se em outra.
Ele parecia chocado.
- Como... F-Fez isso?
- Isso não vem ao caso! – Disse. Retirou de um bolso do vestido, um dispositivo branco com a tela grande e cinco botões, junto dele um colar com uma pedra lisa e um símbolo parecendo uma estrela. – Estes são o Digivice e o colar com seu elemento. Você os conhece, não é?
- Eu... Nunca... Espera isso é um iPhone? Se quiser me dar, eu aceito tá? E o colar... Fica com ele, prefiro o iPhone!
- Não é hora de brincar! No seu Digivice, contém o digimon, que, em breve irá nos ajudar a salvar o Digimundo! E o colar é usado para usar um poder especial, não tenho muito conhecimento sobre isso, pois, não tenho colar... Tenho isso. – E mostrou o símbolo em sua mão.
- Espera um pouco! “nos ajudar”? Não quis dizer “te ajudar”?
- Bem... É pra isso que vim aqui, para pedir sua ajuda, Eiji! Você é o único que pode me ajudar! Não só a mim, mas também ao mundo de onde eu pertenço! Sei que sou uma humana e que não nasci no Digimundo, mas vivi lá por muito tempo! Por favor... Me ajude! – Falou e uma lágrima escorreu pelo seu olho.

E a menina olhou para o chão, enquanto suas lágrimas caíam. Eiji ficou com pena e para confortá-la tentou dizer algo:
- Hã... Bem... Eu não sei praticamente nada sobre isso que você tá falando. Digimon, Digivice, colar com elementos... Foi mal, mas isso é muito pra mim! Mas... Vou tentar te ajudar!
A garota ajeitou o vestido branco e olhou para cima com um rosto esperançoso. Um sorriso apareceu e os seus olhos brilhavam como estrelas.
- Ah, muito obrigado! – O sorriso desapareceu.
O jovem achou estranho e perguntou:
- O que foi?
- Está vindo... Tem algum digimon vindo! – Falou com os olhos fixados numa parede próxima. – Sinto que ele está vindo muito rápido! – Apertou e segurou o botão do meio do Digivice.
Ele ligou e uma tela preta com a mesma estrela do colar apareceu. A menina apertou alguns botões e apareceu um mapa da região. Dois pontos azuis estavam muito próximos – eles dois – e outro vermelho, vinha, agora de vagar.
- Este vermelho é o tal do digimon? – Perguntou Eiji. – Mas espera um pouco... O que essa coisa de digimon?
- Sim é ele. – Fez uma pausa enquanto olhava atenta para o dispositivo. – Digimons são seres digitais, que surgiram a partir de experiências humanas em computadores. Eles evoluíram tanto que criaram consciência própria, vida, poderes e até um mundo! O Digimundo, que está sendo ameaçado por Shadow Seraphimon... – Olhou para o jovem. – Meu nome é Mina e meu Mestre, Shakamon, me mandou para este mundo, para achá-lo!
- Me achar? – Indagou confuso. – O que eu tenho a ver com esses... Seres digitais? Nunca vi um, nunca quero ver e não me importo com quem quer vê-los!

Mina levantou-se e arrumou novamente o vestido. Mexeu nos cabelos ruivos e entregou o dispositivo à Eiji e o advertiu:
- Mesmo com eu por perto, use isso com sabedoria, pois você pode ativar algo que não queira na hora e assim se arrepender!
O menino se levantou e Mina pôs o colar em seu pescoço. E o advertiu outra vez:
- Enquanto tiver este colar, tente não usar seu poder. Use-o apenas se for uma emergência! Eu não tenho um colar, mas tenho essa tatuagem. – E mostrou a imagem de uma chama na palma da mão. – E ela me dá poder, porém é muito diferente de você! Eu escolhi não ter um digimon, mas ter este poder!
- Então eu posso escolher ter um digimon ou não?
- Sim, mas é bom que tenha um, já que você possui um colar! Quando eu nasci não tinham colares, então tive esta tatuagem feita por Shakamon! E... Não pude ter um digimon... Mas já superei!
Eiji olhou para o Digivice e percebeu que o ponto vermelho se aproximava deles. Guardou o dispositivo no bolso e disse a Mina:
- Está próximo! – Disse determinado. – Se vou te ajudar vou dar o melhor de mim. – Colocou a bolsa atrás da caixa onde estava sentado.
Os dois, juntos foram na direção de onde vieram, pois foi de lá que veio o sinal!

Chegando perto da escola de onde tinham vindo, viram os portões fechados, alguns carros amassados na parte de cima, uma árvore derrubada e ninguém, o lugar parecia deserto.
- Hã... O que aconteceu aqui? – Perguntou Eiji.
Mina abaixou e pegou um pedaço de capim seco. Examinou-o com cuidado e concluiu:
- Um digimon grande... Não é nada pequeno! – Falou olhando o pedaço de planta em mão. Olhou para os lados vagarosamente. – Deve ser um digimon que anda com as quatro patas! – Ela apontou para o carro. Ele estava com marcas de duas patas em cima do capô e outras duas na frente, no chão rachado. – Vê? Ele pulou lá! É grande e quadrúpede!

O garoto retirou o Digivice do bolso e olhou o mapa. Ficou surpreso, pois o ponto vermelho estava no mesmo lugar que eles. Mostrou para Mina. Ela achou estranho e começou a procurá-lo.
Olhava para cima, atrás de carros, olhava a escola de longe, mas nada. Parecia que o monstro estivesse invisível...
- Invisível... É isso! – Falou Mina. – No Digi Quartz! Mas espera um pouco... Ele foi destruído faz anos... Como poderia acontecer algo assim? Será que ele se autorreconstruiu?
- Digi o quê?
- Digi Quartz! É outro lugar onde aparecem digimons também, porém esses que aparecem lá podem interferir no mundo humano! Só que há alguns anos ele foi destruído por guerreiros digimons!
Uma grande explosão pôde ser vista e ouvida. O nada começou a rachar, como se tivesse uma placa de vidro lá! Daquele lugar saiu um ser enorme em forma de felino. Tinha o corpo metálico e amarronzado, cabelo amarelo e asas na parte de trás do corpo.
O lugar de onde ele saíra, não dava para ver muito, era apenas um lugar de céu azul escuro, com colunas enormes parecidas com placas de vídeo, placas-mãe, alguns riscos brancos passavam pelo céu.

- Duftmon! – Disse Mina assustada. – Como você saiu de lá?
Um brilho tomou conta do corpo do digimon felino, que cresceu e pareceu mais “humano”, as asas brancas foram para as costas e surgiu um rosto parecido com uma máscara e uma fita na cintura. Ele sacou uma espada enquanto flutuava.
- Ah... O Codeland é uma péssima prisão! – Fez uma pausa. – Mas é um ótimo lugar para se perder! – Apontou a espada para Eiji. – Recebi as ordens de Shadow Seraphimon do Codeland! Não vou deixar você escapar... Eiji Wang!
- Vamos lá, Eiji! Temos que lutar!

Uma bola de fogo formou-se na mãe dela. Atirou-a e quando atingiu o peito de Duftmon, explodiu. Não fez nenhum dano ao inimigo.
- Só? Você só consegue fazer isso? – Debochou o cavaleiro que se preparava para um ataque. – Black Aura Blast!
Uma rajada de raios negros saiu de sua espada e acertaram o chão logo a frente de Eiji e Mina. Eles caíram no chão.
- Eiji, libere seu digimon! Materialize-o! – Disse se levantando e jogando uma bola de fogo que formara em sua mão e que em vão atingiu o inimigo.
- Hã? Como eu faço isso!? – Disse o garoto com o Digivice em mãos. – Hã... Materializar!
Um digimon com forma de dinossauro amarelo saiu de dentro do Digivice. “Como isso aconteceu?”, pensou o jovem. O digimon estava em pé de costas, na frente dele.
- Hã... Onde... – Olhou para o jovem caído no chão e Mina. Depois se voltou para Duftmon. – Ah! Já entendi!
O inimigo fitou o pequeno ser amarelo e disse em um tom superior:
- Há! Alguém me explique como isso irá me destruir?!
- “Isso” tem nome, tá?! – Falou olhando para cima. – Eu sou o Agumon Elo! E não vou deixar você machucar ninguém! Algo que não suporto, é seres mais fortes machucarem os mais fracos! – Sua boca encheu-se de fogo – Baby Attack!

Ele pulou e disparou uma bola de fogo de sua boca, seguido por um ataque em linha reta com suas garras. Ambos atingiram o peito de Duftmon que foi apenas para trás, sem ferimentos.
- O quê? – Disse indignado. – Você conseguiu me empurrar para trás? Nunca pensei que algo tão insignificante pudesse me mover!
- Insignificante? – Gritou mais indignado ainda Elo. – Vou mostrar o cúmulo da insignificância! – Correu na direção do inimigo, pulou deu-lhe repetidos socos no rosto. Pegou impulso empurrando seus pés contra o rosto de Duftmon e deu uma pirueta, caindo no chão e lançando mais um ataque: – Triple Baby Flame! – E assim disparou três esferas de fogo no abdômen dele.

Ofegante, Duftmon abaixou-se. “Como um digimon Rookie conseguiu me ferir? Sinto uma leve dor na barriga... Mas isso é impossível eu sou um dos Cavaleiros Reais! Ele não pode me machucar! NÃO VOU DEIXAR!”, pensou determinado o cavaleiro pronto para uma novo ataque.
Ele ergueu sua espada e desenhou um arco no céu. Acumulou toda sua força desceu a lâmina da espada. Elo se desviou, porém foi em vão, porque, ao colidir com o asfalto, vários resíduos voaram e acertaram todos ali presentes.
Eiji limpou a poeira que caiu em seu rosto. Colocou a mão no chão e fez uma força para levantar. Ficou em pé e olhou para o lado vendo o digimon caído.

- Elo! – Correu para perto e sem se abaixar. Viu seu digimon desmaiado. Ele tinha alguns cortes e alguns ferimentos espalhados pelo corpo. – Nós mal nos conhecemos e você já o machucou? – Cerrou os punhos. – Não vou deixar você machucar a mim, nem a Mina – Olhou para ela e viu-a caída com uma pedra perto da cabeça e sangue na testa. Voltou-se para o inimigo. – Não vou deixar mesmo! – Abaixou a voz, apertou o Digivice que começou a brilhar. – Mina, sinto muito, você disse para eu usar o poder só quando preciso... Talvez isso possa ser resolvido... Mas eu sozinho não consigo!
Observou com cuidado o inimigo com muita raiva.
- Não vou deixar você sair vivo daqui!

NOTA:
- "Baby Attack" é a junção de Claw Attack e Baby Flame.

DIGIdex
Nome: Duftmon
Um digimon guerreiro que só pensa em si e em obedecer as ordens de seu mestre, Shadow Seraphimon. Ele estava preso na Codeland, onde ficou por anos perdido, quando teve uma oportunidade, conseguiu sair e aquela região.
Ataques:
> Extinction Wave
> Black Aura Blast

__________________________________________________________________________

AVANTE CATastrophe!

avatar
Digi Rei

Moderador
Moderador

Mensagens : 949
Data de inscrição : 02/11/2011
Idade : 19
Localização : Ribeirão Preto, São Paulo

http://nihongo-gakkou.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Mickey em Ter 13 Mar 2012, 11:47 am

Digi Rei... PARABÉNS!

Uma ótima história! Começou muito bem!

Inovações e muitas curiosidades além dos mistérios.

Bom comentando...

Digimons são seres digitais, que surgiram a partir de experiências humanas em computadores. Eles evoluíram tanto que criaram consciência própria, vida, poderes e até um mundo!
Nada em especial... mas que para mim uma ótima definição de Digimon... Gostei dela! =)

Quando eu nasci não tinham colares, então tive esta tatuagem feita por Shakamon! E... Não pude ter um digimon... Mas já superei!
Caraca... temos novos acessórios hauahaua! Muito boa essa ideia...
Abrir mão de um Digimon para obter poderes... Ou não ter direito há um... err.... Imagino o que virá disso!

Digiquarts... Codeland... AGUMON?! Elo?! Muitas coisas juntas... vamos esperar o próximo!

Até o próximo Digi Rei!

__________________________________________________________________________

avatar
Mickey

Administrador
Administrador

Mensagens : 1322
Data de inscrição : 23/10/2011
Idade : 31
Localização : Goiás

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Digi Rei em Ter 13 Mar 2012, 12:48 pm

Mickey escreveu:Digi Rei... PARABÉNS!

Uma ótima história! Começou muito bem!

Inovações e muitas curiosidades além dos mistérios.

Bom comentando...

Digimons são seres digitais, que surgiram a partir de experiências humanas em computadores. Eles evoluíram tanto que criaram consciência própria, vida, poderes e até um mundo!
Nada em especial... mas que para mim uma ótima definição de Digimon... Gostei dela! =)

Quando eu nasci não tinham colares, então tive esta tatuagem feita por Shakamon! E... Não pude ter um digimon... Mas já superei!
Caraca... temos novos acessórios hauahaua! Muito boa essa ideia...
Abrir mão de um Digimon para obter poderes... Ou não ter direito há um... err.... Imagino o que virá disso!

Digiquarts... Codeland... AGUMON?! Elo?! Muitas coisas juntas... vamos esperar o próximo!

Até o próximo Digi Rei!

Obrigado pelos elogios, Mickey, grato por ler! Smile
Sobre a definição de Digimon... Eu não quis mudar o que já tá feito, apenas definir!
E sobre os acessórios... Sim, imagine, pois virão muitas coisas ainda! Os colares são usados pelos novos Escolhidos... Os "velhos" tiveram a tal tatuagem! Sim, não dá para ter a tatuagem e um digimon, mas com o tempo, a tatuagem virou o colar e assim os novos podem ter os dois! Very Happy

__________________________________________________________________________

AVANTE CATastrophe!

avatar
Digi Rei

Moderador
Moderador

Mensagens : 949
Data de inscrição : 02/11/2011
Idade : 19
Localização : Ribeirão Preto, São Paulo

http://nihongo-gakkou.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Digimon Century

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum